O Conceito

BIO


D’ESCAMBÔ é a fé no miocárdio das culturas _ utopia da experiência coletiva anticapitalista. Festival multicultural (Mogi das Cruzes/20), a realizar-se entre os dias 04 e 06 de dezembro, via plataformas digitais. A primeira edição do evento é incentivada pelo edital Profac - Mostras e festivais _ ação de políticas públicas para a cultura e o desenvolvimento da economia criativa _da Secretaria de Cultura e Turismo de Mogi das Cruzes-SP; além de contar com apoio e colaboração de diverses parceires que acreditam na possibilidade de reinventar a maneira de produzir e compartilhar produtos e conteúdos a partir da cultura de escambo e da acontecença de redes colaborativas, compreensões cooperativas (e não-corporativas), além de iniciativas independentes de criação e permanência.

Desde o início nos pareceu mesmo fundamental pôr em movimento potências criadoras que recriem o mundo numa relação interativa e simbiótica entre todes e qualquer, no entanto a pandemia de covid-19 trouxe um panorama bastante completo que afetou profundamente o setor cultural no Brasil e no mundo; artistas, técnicos e profissionais envolvidos na produção do Festival que, a princípio, aconteceria de maneira presencial, foram afetades e tiveram seus trabalhos bruscamente interrompidos. Neste sentido, foi preciso reinventar a maneira como o projeto chegaria a público. Decidimos por mantê-lo, utilizando plataformas e ferramentas digitais, buscando diminuir as distâncias entre o virtual e o abraço.

D'escambô busca construir diálogos permanentes com outres parceires e entidades que atuem a fim de ampliar o debate em torno do tema desta edição: Cultura de escambo e redes colaborativas de criação e solidariedade. Uma discussão sobre cultura, direitos humanos, redes criativas, escambo, políticas culturais e estratégias não-capitalistas de colaboração, produção e realização. Buscando fomentar e instigar iniciativas sustentáveis que acolham as demandas do Planeta e as formas não convencionais de interação.

Equipe D’escambô

Math’eus Borges / @aosprimatas / Ativista da palavra, poeta y produtor cultural _é autor do livreto “Azia d(á) Poesia _minúsculas vociferações argonáuticas acerca do nada absolutamente inquietante”, co-idealizador do canal “aosprimataspodcast” no Spotify, e criador do sample-filme A.REN.GA (2020).

K-iqui Calisto / @k.iqui / Ator, ativista de causas sociais, na luta por moradia, por terra, pelos direitos LGBTQIA+. É produtor cultural, coidealizador do projeto “Azia da Poesia” e “Aosprimatas Podcast” e integrante do grupo Contadores de Mentira.